Buscar
  • ACADEMIA ESPAÇO FÍSICO GV

DICAS SOBRE CONDROMALÁCIA

#ACADEMIAESPACOFISICO #EUFACOPARTE #GV



Para diminuir o atrito da patela sobre o fêmur, as superfícies desses ossos são revestidas de cartilagem. As mulheres, no entanto, acumulam um elevado desgaste das cartilagens do joelho, o que pode levar à condromalácia e àquela desconfortável sensação de ter areia dentro do joelho. Essa degeneração evolui em 4 graus, indo desde o amolecimento da cartilagem até a sua perda, com exposição do osso.

Então, seguem algumas dicas na musculação: - Controle o volume: 2 a 4 exercícios para membros inferiores são suficientes. - Controle a frequência: treine a coxa uma ou duas vezes por semana. Mais do que isso, não permite a recuperação adequada do músculo e desgasta desnecessariamente as articulações. - Não divida os treinos de membros inferiores em "anterior/posterior/glúteo": exercícios como afundo, leg press com pé para cima, de lado ou de costas não são apenas para posteriores e nem para glúteos! Eles têm grande envolvimento dos músculos anteriores e promovem desgaste patelofemoral. Os músculos dos membros inferiores normalmente trabalham juntos, portanto, treine-os juntos! - Escolha bem os exercícios: prefira os exercícios de cadeia cinética fechada, como leg press e agachamento, aos de cadeia aberta, como a extensora. . - Faça os exercícios adequadamente: nada de fazer amplitudes limitadas no leg ou agachamento, pois nesses ângulos há maior compressão patelofemoral e menor coativação de posteriores. - Nada de invecionismo: variações como sissy squat, calços nos calcanhares, etc. aumentam as forças anteriores e prejudicam a coativação de posteriores, predispondo a lesões. - Observe seus treinos: joelhos que se fecham durante o exercício (valgo dinâmico) e pouco força dos músculos posteriores em relação aos anteriores também são associados a problemas de joelhos, então observe se seu treino está bem equilibrado e se sua execução está correta. É isso! Se cuidem!


Por PAULO GENTIL.

0 visualização

© 207 por Laisson D. Pinheio. Orgulhosamente criado com Wix.com